Publicações recentes

Publicações recentes:

05 janeiro 2009

Desfile de moda faz shopping ampliar vendas

(Danielle Fonseca)

Os shopping centers investirão, em 2009, cada vez mais em eventos como desfiles, exposições e ações ligadas ao segmento de moda, para estimular vendas até em épocas de pouco movimento. A ação tem levado lojistas a participarem de desfiles, para mostrar novas coleções, alcançando com a estratégia incremento de quase 40% nas vendas, como no Brasília Shopping, que pertence aos empreendedores Organizações PauloOctavio e JC Gontijo.

De acordo com a gerente de Marketing do shopping, Ana Paula Junto Cunha, há um impulso imediato nas vendas com os desfiles. Nas duas edições de bazares realizadas este ano, acompanhadas de programações especiais e brindes aos clientes, foi registrado incremento de até 38% nas vendas. Durante os lançamentos de coleções, como a primavera/verão, o shopping busca ajudar os lojistas a divulgar as novidades e percebe um impacto de até 32% nas vendas, comentou a executiva, ao DCI.

Segundo Ana, mesmo em outras ações menos comerciais, como exposições, igual a que o Mall fez este ano com a marca de perfumes Carolina Herrera, ocorre aumento do fluxo de consumidores e conseqüentemente aumentam as vendas. "Criamos uma oportunidade consumo, temos de incitar o consumidor e expô-lo ao novo, talvez ele nem entrasse em uma loja de perfumes antes", explica a gerente. Hoje, o shopping recebe 35 mil pessoas por dia, sendo 70% do mix - 150 lojas -, voltado vestuário, acessórios e calçados. "Somos um shopping mais intimista e o nosso público também é descolado, até o nosso slogan: 'Aqui tudo combina', está ligado à moda", diz. Apesar de estar 100% locado, o empreendimento ainda teve novas marcas em 2008. Foram inauguradas lojas de redes como Vivara, Calvin Klein e Le Lis Blanc.

Outro shopping que se destaca quando o assunto é moda e eventos é o Shopping Iguatemi, em São Paulo, administrado pela Iguatemi Empresa de Shopping Centers (IESC). Seu calendário anual é lotado de eventos e o Mall é patrocinador de um das principais semanas de moda do País, a São Paulo Fashion Week, além de hospeda alguns de seus desfiles.

Para o gerente-geral do Iguatemi, Sandro Fernandes, a meta é trazer inovações nos eventos já no ano que vem, sendo grande parte da verba do shopping destinada a essa área, cujo valor de investimento para aperfeiçoar os desfiles tem crescido a cada ano e deve ser maior em 2009. "Fomentamos a moda brasileira e ela faz parte do nosso DNA Outras vantagens são o impacto nas vendas e o reforço da marca Iguatemi."

O gerente também acredita ser um dos únicos com um espaço de mil metros quadrados dedicado só a eventos e que pode ainda acomodar cerca de 500 pessoas para ver um desfile no shopping, que ele afirma ter o espaço mais caro de aluguel na América Latina. "Se recebermos dois desfiles por dia, já teremos um fluxo de mil pessoas a mais, e de um público classificado". Mais de 75% das lojas do shopping são do segmento de moda e o local ainda deverá passar por um processo de expansão no ano que vem.

No interior, há centros de compras apostando mais em eventos do setor. É o Campinas Shopping, administrado pela AD Shopping, que passou a realizar desfiles com participação dos seus lojistas, chamado de Campinas Shopping Collection. De acordo com Tatiane Piza, gerente de Marketing do Mall, a expectativa é que haja um crescimento de 11% na verba para a realização do evento em 2009 e o objetivo "é consolidar o evento, tornando-o referência na cidade, seja pelas celebridades que reúne ou pela variedade de lojas".

A gerente afirma que o evento é voltado ao consumidor final e quase 80% dos lugares disponíveis é destinado a convidados das lojas participantes. "Orientamos o lojista a convidar os melhores clientes, estratégia que além de estreitar relacionamento contribui para fidelizar, já que naquele momento o cliente sente-se especial e tem acesso às novidades em primeira mão." A executiva ressalta a vantagem do reforço de marca do empreendimento para apresentá-lo como "um novo shopping", mais completo e com franquias reconhecidas nacionalmente. Tanto que em 2008 foram inauguradas 8 novas lojas do segmento, entre elas, Lojas Renner, Hering e Taco, totalizando 40% do mix para moda.

Estímulo

Um dos maiores shoppings do País, o Shopping Center Norte, da família Baumgart, também passou a realizar desfiles para estimular as vendas em períodos em que o movimento é menor e aquecer as vendas de férias, por exemplo. De acordo com Gabriela Baumgart, gerente de Marketing do Center Norte, a meta pe investir mais em desfiles ano que vem, sendo que este ano foram gastos R$ 750 mil em ações de marketing direto, para atingir compradores que freqüentam o Mall. Ainda "foi criado um jornal, com tiragem de 50 mil exemplares, mostrando tendências e dicas, que é distribuído gratuitamente aos freqüentadores", disse ela.

O modelo de realizar desfiles com lojistas também já é adotado pelo Shopping ABC, que pertence a BR Malls, e os faz durante o mês de setembro adiantando as próximas coleções. Segundo Elizabete Henriques, gerente de Marketing do shopping, "o desfile é uma excelente vitrine para as lojas", além de contribuir para o aumento do volume de negócios e de público. Só na última edição, o crescimento foi entre 10% a 30% para os lojistas. A loja de calçados Empório Naka, por exemplo, obteve crescimento de 15% nos negócios. Enquanto a Guaraná Brasil afirma que durante os desfiles teve um crescimento de público dentro da loja, além de incremento de 30% nas vendas, em comparação com a edição anterior.

Fonte: DCI - 30/12/08

Nenhum comentário: