Publicações recentes

Publicações recentes:

02 setembro 2008

A era da Personal TV

Segundo previsões da Forrester Research, a propaganda na televisão sofrerá mudanças drásticas nos próximos dez anos, dando origem a uma nova era de comerciais interativos e com veiculação framentada

De acordo com estudo da Forrester Research, a propaganda na televisão está sofrendo com a fragmentação das mídias e a fuga de verbas e deverá ter mudanças dramáticas na próxima década.

As previsões indicam que, sob pressão de anunciantes, as redes tradicionais deverão entrar em acordo com as operadoras de televisão por assinatura e as empresas de telecomunicações para construir um novo sistema para suporte de publicidade na televisão, o que é chamado pela Forrester de Personal TV.

A idéia é direcionar comerciais para os programas lineares e sob demanda, baseado em variáveis como comportamento e localização. Ou seja, é algo parecido com o que ocorre no controle da publicidade na web. E ao mesmo tempo em que haverá a fragmentação da audiência, novos sistemas permitirão que a publicidade alcance grandes massas, de modo focado.

A chamada Personal TV oferecerá experiências típicas de web aos telespectadores, como um menu de programação, com opções e ferramentas de busca. Além disso, os anunciantes poderão enviar anúncios interativos aos telespectadores no horário em que quiserem, permitindo até o contato direto do consumidor com o ponto-de-venda.

A mudança da indústria para este novo ambiente deve demorar uma década, mas por causa do tamanho do impacto disso nas estratégias de mídia e planejamento, a Forrester diz que os líderes do mercado de marketing já devem desde já participar de experimentos.

Essa novidade, na análise da empresa, vai garantir que a TV continue sendo a mídia dominante.

Mais informações sobre o estudo na página do pesquisador David Graves, o responsável pela análise.

Fonte: Meio & Mensagem - 27/08/2008

Nenhum comentário: