Publicações recentes

Publicações recentes:

09 março 2007

Mulheres conquistam espaço nas estratégias de marketing

O portal Mundo do Marketing publicou trechos de uma entrevista comigo em uma matéria do Dia Internacional das Mulheres. Estou reproduzindo a matéria abaixo.

----
Mulheres conquistam espaço nas estratégias de marketing

Por Mariana Oliveira

Todas as conquistas femininas no último século não foram em vão. As mulheres conquistaram espaço no mercado de trabalho, independência no lar e importância incontestável na hora da compra. Muitas empresas investem no público feminino e se destacam ao desvendar alguns dos segredos que motivam o comportamento e as motivações deste segmento.

Adquirir responsabilidades como as compras para a família transformou o público feminino em “compradoras profissionais”. Elas chegaram a este patamar em quase todos os segmentos: alimentício, vestuário, móveis, eletrodomésticos e muitos outros. Os únicos em que os homens se saem melhor são os que requerem conhecimentos técnicos, como eletrônicos, material de construção, entre outros. No entanto, elas opinam na compra, como é o caso dos carros. “Ela é como uma leoa em busca das melhores oportunidades”, garante Sônia Bittar, Diretora da área Shopper Understanding, da Ipsos, em entrevista ao site.

Familiarizada com o estudo do comportamento feminino, Sônia conta que características como o conhecimento do produto e o desapego à marca fazem com que as mulheres se destaquem em relação aos homens e se exponham mais ao mercado, o que resultou na idéia do senso comum de que elas são impulsivas. No entanto, a mulher possui características que refutam a idéia comum de impulso já que se atém a detalhes na hora da compra e a questões subjetivas. “As mulheres consomem mais, mas não significa que compram por impulso”, afirma o especialista em comportamento de compra feminino Arnaldo Rabelo em entrevista ao Mundo do Marketing.

Para conquistar o público feminino
A subjetividade da representação do consumo no ato de compra é um dos muitos segredos femininos. Andiara Petterle, pesquisadora do comportamento feminino e Diretora Executiva do site de variedades Bolsa de Mulher, explica que elas se preocupam mais com o sentido do grupo de objetos e a inserção num contexto social. A busca pela harmonia demonstra preferências homogêneas na combinação de artigos e também a preocupação com o outro. Portanto, campanhas que exploram a linguagem visual e investem no valor e imagem de um produto são bem-sucedidas.

Questões como a atenção aos relacionamentos ou uma ênfase mais emocional, assim como o poder de cuidar de múltiplas tarefas ao mesmo tempo são características valorizadas pelo público feminino. Do mesmo modo, o desenvolvimento de produtos e serviços que envolvem a opinião das mulheres alcançam melhores resultados. “As empresas não podem se comunicar de uma forma fria, mas buscar estabelecer relacionamentos”, conclui Arnaldo Rabelo ao citar casos de sucesso como Dove e Loreal.

Fonte: Mundo do Marketing
http://www.mundodomarketing.com.br/2006/ver_reportagens.asp?cod=563

Um comentário:

Paulo Peres disse...

Parabéns pela matéria no "mundo do marketing", Arnaldo.
abraços