Publicações recentes

Publicações recentes:

27 novembro 2008

Paulistano usará 13º salário para pagar dívidas e poupar, diz pesquisa

Pesquisa da Fecomercio (Federação do Comércio do Estado de São Paulo) divulgada nesta quinta-feira aponta que o destino do 13º salário do paulista será o pagamento de dívidas e a poupança.

De acordo com a Fecomercio, 38% dos entrevistados pretendem quitar as dívidas e outros 38%, poupar. Há ainda 22% que responderam que gastarão em compras de Natal. A diferença em relação ao ano passado foi o aumento de 3 pontos percentuais na intenção de poupar e uma redução de 3 pontos percentuais na intenção de realizar compras natalinas.

A pesquisa ainda valia a intenção de compra no Natal deste ano e aponta que os consumidores estão dispostos a gastar menos neste ano, em relação a 2007. Dos entrevistados nesta ano, 47% afirmaram que reduzirão os gastos, contra 25% no ano anterior.

Já o número de consumidores que pretendem gastar mais no Natal caiu dez pontos percentuais, passando de 37% em 2007, para 27% esse ano. Aqueles que pretendem gastar o mesmo valor neste Natal em relação ao ano passado despencou de 37% para 20%.

Para a Fecomercio, a pesquisa indica cautela e apreensão por parte dos consumidores em relação aos impactos da crise financeira internacional, já que pretendem poupar mais e gastar menos nas compras de Natal.

No final de outubro, outra pesquisa da Fecomercio mostrou que quase 90% dos entrevistados responderam que a crise vai afetar de alguma maneira a situação econômica do Brasil ou as condições financeiras de sua família.

Cerca de 43% dos entrevistados responderam que o maior medo é a perda de emprego.

O que o pretende fazer com o 13º salário?
Resposta - - - - 2007 - 2008
Quitar dívidas - 38% - 38%
Pretende poupar - 35% - 38%
Compras de Natal - 25% - 22%
Não Sabe - 1% - 1%

Em relação aos gastos com presente de Natal:
Resposta - - - - 2007 - - 2008
Gastar mais - 37% - 27%
Gastar menos - 25% - 47%
Mesmo valor - 37% - 20%
Não sabe - 1% - 6%

Fonte: Folha Online - 27/11/08

Nenhum comentário: